Fomento Paraná e Fecomércio firmam parceria

A Fomento Paraná e a FecomércioPR firmaram um protocolo de intenções com objetivo de incentivar sindicatos filiados à federação empresarial a aderir ao edital da instituição financeira estadual para credenciamento de correspondentes.

A assinatura aconteceu durante reunião de diretoria da FecomércioPR com o vice-governador, Darci Piana, e o diretor-presidente da Fomento Paraná, Heraldo Neves.

Neves explicou que a instituição atua em todo o Estado por meio de parcerias e que o protocolo cria condições de atuar em conjunto com os sindicatos vinculados ao sistema Fecomércio, que tem grande capilaridade. “A capilaridade do sistema é um fator importante para distribuição dos produtos financeiros e para proporcionar atendimento fácil ao empreendedor”, afirmou.

Ainda segundo o presidente, a Fomento Paraná é uma instituição financeira que tem o propósito de fomentar a atividade econômica e, portanto, não concorre com os bancos comerciais. “Por isso as nossas condições são diferenciadas, até em função de parcerias como essa com a Fecomércio, que favorece o custo do nosso crédito. Parcerias gratuitas, ou de baixo custo, não impõem custos adicionais aos nossos preços”, destacou.

De acordo com Paulo Nauiack, um dos vice-presidentes da FecomércioPR, a parceria com a Fomento Paraná é muito importante por causa das linhas de crédito e pela aproximação que a federação e os sindicatos pode ter com o empresariado.

“Podemos trazer ao empresário que tem vontade, que tem necessidade de investir, um recurso bom e barato, a uma velocidade muito rápida. Isso permite dar uma condição especial ao pequeno empresário, para que ele alavanque, cresça e faça seu negócio prosperar”.

Nauiack, que preside o Conselho Regional de Representantes Comerciais do Paraná, acrescenta que, por outro lado, isso é muito bom para a Federação do Comércio e para os sindicatos. “Quando eu inicio uma relação ganha-ganha com o empresário ele começa a perceber o meu protagonismo, ele retorna. E isso é como fidelizar um cliente. Faz com que nossa relação não seja eventual e sim permanente. Eu cresço, meu sindicato cresce, minha federação cresce quando eu tenho empresários mais consistentes e mais sólidos na ponta”, completa.

Atualmente a Fomento Paraná possui pontos de atendimento com agentes de crédito ou correspondentes atuando em 207 municípios paranaenses. Os agentes de crédito operam com financiamentos de microcrédito, em valores de até R$ 10 mil para pessoa física e até R$ 20 mil para empreendimentos formalizados, do tipo MEI, Eireli ou microempresa.

Os correspondentes são autorizados a atuar com operações de crédito em valores de R$ 20 mil a R$ 1,5 milhão para apoiar projetos de micro, pequenas e médias empresas. A instituição contabiliza cerca de R$ 1 bilhão em crédito concedido aos empreendedores paranaenses em todos os setores da atividade econômica.

Pin It on Pinterest

Contato por WhatsApp